Gaming
Agora a Ler
Jovem cria app de chat para Pokémon GO e quase vai à falência
0
0
shares
Partilhar no Facebook
Partilhar no Twitter
Partilhar no Google+
Partilhar no LinkedIn
Pin no Pinterest
Partilhar no StumbleUpon
+

Jonathan Zarra é o responsável pela app que faltava ao Pokémon GO. Quem joga o jogo já deve ter reparado que a Niantic não desenvolveu qualquer sistema de chat na aplicação. Foi isso mesmo que Zarra notou… após ter sido beta-tester do jogo este verão.

GoChat – Chat para Pokémon GO

Assim surge o GoChat, uma aplicação que permite aos jogadores deixarem notas entre si nas localizações do jogo.

Conversa no GoChat

A app surge pelas mãos do programador francês de 28 anos que refere que esta “devia ser uma funcionalidade de origem do jogo, especialmente num jogo baseado na localização — faria todo o sentido”.

O lançamento e o fenómeno de downloadsGoChat no TOP10 da App Store

GoChat foi lançada a 4 de Julho – um dia antes de Pokémon GO estar disponível – e está disponível para Android e iOS.

Zarra publicitou a app no Reddit e foi o suficiente para que atingisse as 10.000 instalações no primeiro dia. Assim que Pokémon GO atingiu o fenómeno global, GoChat viu o seu número de downloads crescer bastante.

Nos últimos dois dias, a app tem estado no top 10 de pesquisas na App Store. Na data de escrita deste artigo, é a décima app com mais downloads em iOS na categoria de redes sociais. “A quantidade de tráfego que temos recebido tem sido a coisa mais louca de sempre”, diz o criador.

Servidores de GoChat sobrecarregados

Em cinco dias a aplicação está a chegar ao milhão de utilizadores e a fazer 600 pedidos por segundo aos servidores… e isso está a levar Zarra à falência.

Prova disso são os servidores do GoChat. Foi praticamente impossível criar uma nova conta durante grande parte da manhã. Mesmo fazendo o login, a app crashava frequentemente quando se tentava carregar uma mensagem. Dados estatísticas provenientes da Sensor Tower estimam que mais de 7.5 milhões de pessoas terão feito download de Pokémon GO desde segunda, o que sugere que cerca de 10% tenham feito download de uma aplicação de chat para comunicar sobre o jogo.

GoChat é já um hit, no entanto não está a qualquer lucro e só dá despesa. Zarra resistiu à tentação de pôr publicidade na aplicação, desculpando-se com o motivo de odiar publicidade e querer evitar que sejam levantadas questões legais indesejadas por parte da The Pokémon Company.

À procura de investidores

Atualmente existem negociações com investidores para que a seja rentabilizada. Zarra prefere não dizer quanto já gastou no GoChat até à data — “Eu não quero que as pessoas saibam o quão estúpido eu sou”, refere.

“Eu não quero que as pessoas saibam o quão estúpido eu sou” Jonathan Zarra, criador do GoChat

Zarra contratou um freelancer através do Upwork, para que o ajudasse a criar a sua aplicação iOS e trabalhasse nos problemas de bases de dados. “Estou a tentar manter isto online”, foi a mensagem que Abdoelrhman Eaita, o freelancer que contratou lhe enviou. “É muito triste quando vês a tua app constantemente a crashar e sentes-te incapaz de fazer algo”. Eaita estima que os novos servidores para que a app se mantenha online custem cerca de €3.600.

À parte de algumas experiências, Zarra confessa que antes de GoChat nunca tinha criado qualquer aplicação mobile. Mostra-se no entanto contente com os resultados e que vai conseguir sobreviver — eventualmente. “Vou ser capaz de pagar a minha renda”, refere. “Mas primeiro, temos de ter os servidores online”.

E tu? Usas o GoChat?

Esta aplicação pode ser um excelente auxiliar para conheces novas pessoas com quem jogar. Já a usas ou conheces ou alguém que use? Deixa-nos a tua opinião nos comentários.

Partilhar no Facebook
Partilhar no Twitter
Partilhar no Google+
Partilhar no LinkedIn
Pin no Pinterest
Partilhar no StumbleUpon
+
Qual a tua opinião?
Adoro
0%
Interessante
44%
Meh...
0%
Wtf?
0%
Odeio
0%
Triste
56%
Sobre o Autor
Ivo Pereira


Comentários

Leave a Response